Profissionais do Oceano Convidados a prestar homenagem ao Professor Mário Ruivo através dos seus notáveis projectos

EurOcean Foundation, IOC-UNESCO and Ocean Decade

Profissionais do Oceano Convidados a prestar homenagem ao Professor Mário Ruivo através dos seus notáveis projectos

Profissionais do Oceano Convidados a prestar homenagem ao Professor Mário Ruivo através dos seus notáveis projectos 1920 1080 Ocean Decade

15 de Novembro de 2022 - A Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO (COI/UNESCO), Portugal e a Fundação EurOcean convidam os profissionais do oceano em início de carreira (ECOPs) a candidatarem-se à recém-lançada série de Palestras Memoriais Mario Ruivo.

Serão patrocinadas viagens e alojamento para o candidato vencedor apresentar a sua investigação na sede da UNESCO em Paris, França, perante os Governos, parceiros e partes interessadas na 32ª Sessão da Assembleia COI/UNESCO (Junho 2023). Esta nova oportunidade para os ECOPs estará disponível de dois em dois anos.

CANDIDATURA AGORA: Prazo de candidatura alargado até 13 de Fevereiro de 2023

A Série de Palestras Memoriais presta homenagem ao legado do Professor Mário Ruivo, antigo Secretário Executivo do COI-UNESCO, e o maior campeão português da ciência dos oceanos e à sua contribuição para o desenvolvimento sustentável.

Endorsed by the UN Decade of Ocean Science for Sustainable Development, this initiative intends to stimulate and recognise ECOPs who are contributing in a substantive way to the United Nations’ 2030 Agenda – Sustainable Development Goals (SDGs), particularly SDG 14, ‘Life below water’, and to the vision and mission of the Ocean Decade.

"Mário, o 5.º Secretário Executivo da COI-UNESCO, imprimiu na comunidade internacional dos oceanos um ímpeto profissional e ético sem paralelo. A sua crença inabalável no COI resultou da sua compreensão precoce do papel fundamental da ciência dos oceanos como fonte de soluções inovadoras para os desafios sociais e planetários. Mario continua a inspirar-me e é uma das pessoas que tenho em mente quando repito a frase "O COI está sobre os ombros de gigantes"", afirmou Vladimir Ryabinin, actual 9º Secretário Executivo do COI-UNESCO.

O trabalho inspirador do Professor Mário Ruivo e o seu compromisso vitalício com a ciência dos oceanos e a sustentabilidade, e as suas contribuições fundamentais para o desenvolvimento do COI-UNESCO serão honrados através da palestra sobre o projecto vencedor que será dada pelo distinto profissional dos oceanos no início da carreira durante a Assembleia do COI em Junho de 2023. Será a primeira palestra desta nova série bienal.

Segundo o Director Executivo da EurOcean, Sérgio Bryton, "o Professor Mário Ruivo estava à frente do seu tempo e com esta iniciativa queremos manter vivo o seu legado e continuar a inspirar as gerações futuras".

Empowering the new generations of early career ocean professionals and their projects is key to ensure we can co-design and co-deliver “The ocean we want” in the framework of the Ocean Decade.

A apresentação de candidaturas está aberta a projectos desenvolvidos e liderados por um ECOP com até 40 anos de idade antes de 13 de Fevereiro de 2023 (prazo de apresentação alargado), como investigador principal (PI) ou como co-PI.

Mais informações sobre como se candidatar à Cátedra Mário Ruivo estão disponíveis aqui.

***

Professor Mário Ruivo (1927 - 2017):

Especialista em Oceanografia Biológica, Mário Ruivo foi um dos pioneiros da biologia marinha em Portugal. Ocupou altos cargos políticos (Secretário de Estado das Pescas, Ministro dos Negócios Estrangeiros - 1974/75), e liderou a Delegação de Portugal na Conferência das Nações Unidas sobre o Direito do Mar (1974-79). Mário Ruivo foi Secretário Executivo da Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO (COI-UNESCO) de 1980 a 1989, e, mais tarde, o delegado de Portugal no COI. As suas realizações no COI reforçaram o seu prestígio a nível internacional. Com um profundo sentido ético, Mário Ruivo tinha os olhos postos nas gerações futuras, e assim estabeleceu um pacto de responsabilidade, que lhe deu uma força infatigável para persistir e lutar pelos seus ideais, sem desistir. Com o objectivo de promover a ciência marinha, a tecnologia e a alfabetização dos oceanos, foi um elemento crucial na criação da Fundação EurOcean e da sua rede científica, da qual foi seu fundador e presidente.

Sobre o COI-UNESCO:

A Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO (COI-UNESCO) promove a cooperação internacional no domínio das ciências marinhas para melhorar a gestão dos oceanos, das costas e dos recursos marinhos. A COI permite que os seus 150 Estados-Membros trabalhem em conjunto através da coordenação de programas de desenvolvimento de capacidades, observações e serviços oceânicos, ciência oceânica e alerta de tsunami. O trabalho do COI contribui para a missão da UNESCO de promover o avanço da ciência e das suas aplicações para desenvolver o conhecimento e as capacidades, fundamentais para o progresso económico e social, base da paz e do desenvolvimento sustentável.

Sobre o Década do Oceano:

Proclaimed in 2017 by the United Nations General Assembly, the UN Decade of Ocean Science for Sustainable Development (2021-2030) (‘the Ocean Decade’) seeks to stimulate ocean science and knowledge generation to reverse the decline of the ocean health and catalyse new opportunities for sustainable development. The vision of the Ocean Decade is ‘the science we need for the ocean we want’. The Ocean Decade provides a convening framework for scientists and stakeholders from diverse sectors to develop the scientific knowledge and the partnerships needed to accelerate and harness advances in ocean science to achieve a better understanding of the ocean system, and deliver science-based solutions to achieve the 2030 Agenda. The UN General Assembly mandated IOC-UNESCO to coordinate the preparations and implementation of the Decade.

Sobre EurOcean:

A Fundação EurOcean é uma organização científica independente, sem fins lucrativos, com a missão de apoiar os avanços na ciência e tecnologia marinhas europeias, promovendo o intercâmbio de informações, a interacção e a inovação entre os membros da sua rede, a comunidade oceânica e a sociedade em geral.

Fundada em 2002, através da colaboração da Fundação Portuguesa para a Ciência e Tecnologia (FCT), e do Instituto Francês de Investigação para a Exploração do Mar (IFREMER), EurOcean tem uma rede europeia de 19 organizações dedicadas à ciência e tecnologia oceânicas.

***

Para pedidos de imprensa, contactar:
Sara Granchinho | Fundação EurOcean | Sara.granchinho@eurocean.org

A DÉCADA DO OCEANO

A ciência que precisamos para o oceano que queremos

ENTRAR EM CONTACTO

PRÓXIMOS EVENTOS

SUBSCREVER A NOSSA NEWSLETTER

OPORTUNIDADES

Junte-se #OceanDecade

Preferências de privacidade

Quando visita o nosso sítio Web, este pode armazenar informações através do seu browser de serviços específicos, normalmente sob a forma de cookies. Aqui pode alterar as suas preferências de privacidade. É importante notar que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar a sua experiência no nosso sítio Web e os serviços que podemos oferecer.

Por motivos de desempenho e segurança, utilizamos o Cloudflare
necessário

Ativar/desativar o código de acompanhamento do Google Analytics no navegador

Ativar/desativar a utilização de tipos de letra do Google no navegador

Ativar/desativar vídeos incorporados no navegador

Política de privacidade

O nosso sítio Web utiliza cookies, principalmente de serviços de terceiros. Defina as suas preferências de privacidade e/ou concorde com a nossa utilização de cookies.