O Governo da Flandres financia uma nova iniciativa para apoiar o desenvolvimento de capacidades como parte da Década do Oceano

COI/UNESCO

O Governo da Flandres financia uma nova iniciativa para apoiar o desenvolvimento de capacidades como parte da Década do Oceano

O Governo da Flandres financia uma nova iniciativa para apoiar o desenvolvimento de capacidades como parte da Década do Oceano 400 200 Década do Oceano

No âmbito da Década das Nações Unidas de Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável, o Governo da Flandres aprovou um financiamento de 1,1 milhões de dólares para uma nova Facilidade de Desenvolvimento de Capacidades no quadro do Fundo de Confiança UNESCO/Flandres (FUST).

Para alcançar a visão transformadora do Década do Oceanode apoiar a geração e utilização da ciência dos oceanos para o desenvolvimento sustentável, é importante que todos os intervenientes - independentemente da geografia, género ou geração - possam participar ativamente e beneficiar. É fundamental promover e reforçar as competências e os conhecimentos necessários para a co-conceção, a co-entrega e a adoção do conhecimento dos oceanos na tomada de decisões e na definição de políticas.

A nova Facilidade de Desenvolvimento de Capacidades Década do Oceano , apoiada pelo Governo da Flandres (Reino da Bélgica), basear-se-á na experiência de longa data da Comissão Oceanográfica Intergovernamental (COI) da UNESCO em matéria de desenvolvimento de capacidades. Através de uma abordagem flexível e orientada para a procura, a Facilidade apoiará as necessidades de reforço das capacidades de indivíduos e instituições envolvidas no Década do Oceano.

O desenvolvimento das capacidades é um dos princípios do sítio Década do Oceano: um tema subjacente e um requisito para todos os 10 desafios da Década e, de forma significativa, para o desafio 9 ("Competências, conhecimento e tecnologia para todos"), que se refere especificamente ao desenvolvimento das capacidades. Todas as iniciativas apresentadas para aprovação como acções da Década, independentemente do desafio em que se centrem, devem demonstrar de que forma contribuem para o desenvolvimento das capacidades, com especial destaque para os pequenos Estados insulares em desenvolvimento (PEID), os países menos desenvolvidos (PMD) e os países em desenvolvimento sem litoral (PMA).

A nova Facilidade apoiará os actores que desejem participar na co- concepção de futuras Acções da Década, bem como as Acções da Década existentes que possam necessitar de mais apoio em iniciativas de desenvolvimento de capacidades específicas:

  • Identificação das necessidades prioritárias de desenvolvimento de capacidades dos actuais e futuros proponentes de acções da Década
  • Realização de iniciativas para satisfazer as necessidades de desenvolvimento de capacidades identificadas através do Mecanismo
  • Apoiar a facilitação de uma comunidade de práticas Década do Oceano centrada no desenvolvimento de capacidades

A Facilidade integrará actividades específicas para mobilizar recursos e estabelecer parcerias com parceiros filantrópicos, governos e indústria, a fim de garantir contribuições financeiras e em espécie para os custos operacionais, assegurando assim a sua sustentabilidade ao longo de todo o período de vigência do Década do Oceano e para além dele.

"O Governo da Flandres e a COI/UNESCO colaboram no domínio da ciência dos oceanos há mais de 20 anos e esta Facilidade é mais um marco importante", afirmou Julian Barbière, Chefe da Secção de Política Marinha e Coordenação Regional da COI/UNESCO e Coordenador Global do Década do Oceano. "Agradecemos ao Governo da Flandres a sua generosa contribuição, reconhecendo o apoio necessário para o desenvolvimento de capacidades, que contribuirá grandemente para o movimento Década do Oceano - e não só, para as competências a longo prazo."

O projecto será implementado durante um período inicial de 24 meses sob a orientação estratégica de um Grupo de Direcção. O Instituto de Investigação Marinha da Flandres (VLIZ) é um dos principais parceiros do projecto e um apoiante de longa data da IOC/UNESCO, e fornecerá recursos em espécie para ajudar a desenvolver iniciativas de reforço de capacidades.

A Facilidade de Desenvolvimento de Capacidades Década do Oceano baseia-se nos compromissos anteriormente assumidos pelo Governo flamengo de apoiar, através do Fundo de Confiança UNESCO/Flandres (FUST), projectos COI/UNESCO que são Década do Oceano aprovados, tais como a Academia Global OceanTeacher, as Expedições e-DNA, o PacMAN e o Ocean InfoHub.

Para mais informações, contactar:
Década do Oceano Equipa de Comunicação(oceandecade.comms@unesco.org)

***

Sobre o Década do Oceano:

Proclamada em 2017 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, a Década das Nações Unidas de Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável (2021-2030) ("a Década do Oceano") procura estimular a ciência dos oceanos e a geração de conhecimentos para inverter o declínio do estado do sistema oceânico e catalisar novas oportunidades de desenvolvimento sustentável deste enorme ecossistema marinho. A visão do Década do Oceano é "a ciência de que precisamos para o oceano que queremos". O Década do Oceano fornece um quadro de convocação para cientistas e partes interessadas de diversos sectores para desenvolver o conhecimento científico e as parcerias necessárias para acelerar e aproveitar os avanços na ciência dos oceanos para alcançar uma melhor compreensão do sistema oceânico e fornecer soluções baseadas na ciência para alcançar a Agenda 2030. A Assembleia Geral da ONU mandatou a Comissão Oceanográfica Intergovernamental (COI) da UNESCO para coordenar os preparativos e a implementação da Década.

Sobre a COI/UNESCO:

A Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO (COI/UNESCO) promove a cooperação internacional no domínio das ciências marinhas para melhorar a gestão dos oceanos, das costas e dos recursos marinhos. A COI permite que os seus 150 Estados-Membros trabalhem em conjunto através da coordenação de programas de desenvolvimento de capacidades, observações e serviços oceânicos, ciência oceânica e alerta de tsunami. O trabalho do COI contribui para a missão da UNESCO de promover o avanço da ciência e das suas aplicações para desenvolver o conhecimento e as capacidades, fundamentais para o progresso económico e social, base da paz e do desenvolvimento sustentável.

A DÉCADA DO OCEANO

A ciência que precisamos para o oceano que queremos

ENTRAR EM CONTACTO

PRÓXIMOS EVENTOS

SUBSCREVER A NOSSA NEWSLETTER

OPORTUNIDADES

Junte-se #OceanDecade

Preferências de privacidade

Quando visita o nosso sítio Web, este pode armazenar informações através do seu browser de serviços específicos, normalmente sob a forma de cookies. Aqui pode alterar as suas preferências de privacidade. É importante notar que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar a sua experiência no nosso sítio Web e os serviços que podemos oferecer.

Por motivos de desempenho e segurança, utilizamos o Cloudflare
necessário

Ativar/desativar o código de acompanhamento do Google Analytics no navegador

Ativar/desativar a utilização de tipos de letra do Google no navegador

Ativar/desativar vídeos incorporados no navegador

Política de privacidade

O nosso sítio Web utiliza cookies, principalmente de serviços de terceiros. Defina as suas preferências de privacidade e/ou concorde com a nossa utilização de cookies.